Aventure-se comigo...

Aventure-se comigo...

domingo, 29 de abril de 2012

Gente Louca !!


Hoje li um post de uma blogueira de quem gosto muito, falando sobre um sujeito que ela conheceu, vizinho dela. O rapaz, bem apessoado, passou uma noite inteira se declarando a ela e seduzindo-a com gestos, olhares e beijos, sem qualquer tentativa de fazer sexo - e de fato não fizeram.
Depois disso, feitas tantas promessas de relacionamento sério e tudo mais, o sujeito
s-u-m-i-u. 
Do nada. Sem explicações.
O que faz uma pessoa agir assim, feito louca?

Eu conheço vários casos, que aconteceram com pessoas próximas, uma dessas pessoas foi um amigo meu que se apaixonou perdidamente por uma suposta modelo nissei que morava no Japão e contava-lhe as histórias mais absurdas deste mundo - e ele acreditava. 

Outra conhecida se apaixonou por um rapaz mais jovem, ela mora em Porto Alegre e ele no Rio de Janeiro. Conheceram-se pelo Orkut, conversavam pelo msn e por telefone. Ele contava uma história trágica, de que havia perdido a esposa e a filha em um tiroteio no Rio. Quer mais clichè do que isso?
Ela economizou durante meses para ir vê-lo, comprou a passagem aérea e, chegando lá, o sujeito sumiu. Ela descobriu que o endereço que ele havia dado era falso, ele desligou o celular e a coitada ficou a ver navios... E estou falando de uma mulher bonita, inteligente, separada, com filhos - e não uma doida inconsequente em busca de aventuras.

Eu mesma já fui vítima de alguns golpes desses fajutos Don Juans. Ainda hoje um deles insiste em conversar comigo pelo msn. Eu o mantive na minha lista do msn só para ver até onde vai a cara de pau desse sujeito. Há anos ele se faz passar por um rapaz que mora no Guarujá, uma cidade litorânea próxima a São Paulo, concursado na Petrobrás, já nos falamos por telefone, mas o sujeito nunca mostra fotos nem liga a webcam para que eu possa vê-lo. E insiste que é apaixonado por mim, que me acha a mulher mais sensacional que ele já conheceu, marca encontros (e eu dou corda para ver até onde ele vai). É divertido ver as desculpas esfarrapadas que ele arruma para justificar os "canos" que ele dá nos encontros que marcamos, e mais ainda, para justificar não ter uma webcam para que eu possa ver como ele é.

No meu caso, dificilmente eu teria qualquer interesse por um sujeito desses, uma coisa que aprendi com meu pai é ser desconfiada com pessoas que elogiam muito e adulam demais. Eu simplesmente não acredito em uma palavra do que pessoas assim falam. Mas, mulheres mais indefesas e carentes, caem facinho. E homens, também!

Digam-me: o que faz um rapaz perder tempo "xavecando" uma mulher com a qual ele não tem a menor intenção de se encontrar? Não dá nem para pensar que é auto-afirmação, ou alguma questão de ego, pois quem usa um personagem para conquistar não prova nada a si mesmo, a não ser sua total incapacidade de conquistar alguém pelo que ele realmente é. 

E, para não ser injusta, há muitas mulheres que fazem esse joguinho e são bem sucedidas. Esta semana foi noticiada a prisão de uma mulher que reside na Bahia, que é mais feia que o mapa do inferno, já passada dos 60 anos, e não é que a infeliz conseguia dar golpes em senhores estrangeiros, que vinham conhece-la e ela os mantinha em cárcere privado até arrancar uma bela grana? O golpe foi descoberto depois que um senhor argentino ligou para a família pedindo que mandassem mais dinheiro para ele em uma conta bancária aqui no Brasil, ma algo em sua voz despertou suspeita de sua filha, que acionou a Interpol, rastrearam a ligação e chegaram ao cativeiro do solitário senhor argentino que caiu no conto da gata borralheira. 

Até entendo que pessoas usem a tática da conquista para obter vantagem financeira, um estelionato típico. Mas, e quando não há nenhum ganho para o golpista? Será puro sadismo?

Por essa e por outras, conhecer pessoas está mais difícil e desinteressante. Conhecer mais gente louca?? Tô fora, já bastam os loucos com os quais sou obrigada a conviver no dia-a-dia.






4 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Bem a blogueira aó sou eu... rs.

Foi muito bom publicar essa história no meu blog, eu pude ler sobre outras histórias semelhantes e até piores.

Na internet eu sou bem descrente e bastante desconfiada, então raramente dou chance para caras da net.

Já esse louco aí que apareceu, realmente não dá muito para entender o que faz alguém tocar a campainha de uma pessoa que ela não conhece só para seduzir e descartar. Então a doente da história certamente não sou eu e isso me alivia... rs

Beijocas

Thaís de Miranda disse...

Nossa, eu fico impressionada como hj em dia as pessoas são tão covardes, superficiais... Tratam o outro como nada, não faz questão de no minimo ser bem educada... Sério, eu acho que vou morrer solteira...

J Araújo disse...

Pois é, infelizmente, muita gente usa esse meio para se esconder e praticar o mal. Uma pena, uma ferramenta tão importante quanto a net.

Bj bom final de semana.

Patricia Pinto disse...

Já conheci muita gente pela internet, mas sempre com os dois pés atrás!!
Hoje não dou muita abertura a ninguém, principalmente quando vejo essas coisas acontecerem, parece que não dá pra confiar mesmo!!
Beijos!!